Esporte

"Existem mais vídeos contra Neymar"

Francisco Noveletto, vice-Presidente da CBF, afirma que o jogador não aguentará a pressão de jogar no Brasil

Créditos: Guilherme Rossini
Neymar é acusado de agressão sexual e tem depoimento marcado para o próximo amanhã - Lucas Figueiredo/CBF/divulgação

BRASIL | A partir do dia 14 deste mês, será disputada a 46ª edição da Copa América. É a quinta vez que a competição será jogada no Brasil, sendo que, nas outras quatro edições, em 1919, 1922, 1949 e 1989, a Seleção Brasileira venceu todas. Essa, portanto, é só mais uma das situações que agrava a condição de Tite como treinador da Seleção Brasileira. O técnico gaúcho vem sofrendo uma enorme pressão para ganhar a competição, e isso vem alterando não só suas entrevistas, como seu comportamento. Não bastassem essas dificuldades, ainda mais depois de Neymar ser acusado de estupro, o vice-presidente da CBF, Francisco Noveletto, deu uma entrevista ao SBT-RS, apostando que Neymar não jogará a Copa América.

O vice, que disse que tudo não passa de sua opinião, afirmou que entende que o camisa 10 não aguentará toda a pressão, e que se ficar, o Brasil não conseguirá ser campeão. "Veja, se eu tivesse que apostar, se eu tenho 10 fichas e me perguntassem no que eu apostaria? Aposto que ele não virá e que ele pedirá licença. Ele não tem condições psicológicas para enfrentar uma Copa América e um batalhão de jornalistas. Eu conheço a imprensa. A imprensa vai pegar no pé", afirma o ex-presidente da Federação Gaúcha de Futebol. Segundo ele, ainda existem mais materiais que pressionarão o atacante do PSG, dificultando seu rendimento."Tem muito mais coisa para aparecer. Um amigo meu do Rio de Janeiro disse que tem mais um vídeo para ser jogado na rua", conta.

Na manhã de terça, em Paris, o presidente da CBF, Rogério Caboclo, garantiu que Neymar não será desconvocado e que também não pedirá dispensa da Seleção Brasileira. " Não há expectativa alguma de que o Neymar não esteja na Seleção na Copa América. Estamos acompanhando atentamente o que está acontecendo. Temos total confiança no Neymar, sabemos a pessoa que é, o homem que é, o atleta que é. A CBF acompanha todos os fatos e com total confiança de que tudo será esclarecido o mais rapidamente possível", enfatiza o mandatário.


O caso

Durante sua apresentação para a Copa América, Neymar foi acusado de agressão sexual após uma mulher com quem o atacante se relacionou em Paris, registrar um boletim de ocorrência (BO) contra ele, no último dia 31, em São Paulo. Com isso, o camisa 10 divulgou, em seu Instagram, as conversas entre os dois no Whatsapp, além de algumas fotos da jovem. Com isso, na última segunda-feira (3), a Polícia Civil do RJ foi até a Granja Comary para intimá-lo a depor no caso. Em princípio, seu depoimento ficou agendado para amanhã, porém, seus advogados tentam postergar a data.

 


"Tem muito mais coisa para aparecer. Um amigo meu do Rio de Janeiro disse que tem mais um vídeo para ser jogado na rua" - Francisco Noveletto, vice-presidente da CBF

 

Comments

SEE ALSO ...