Esporte

Brasil estreia na Copa do Mundo contra a Jamaica

Para o jogo, técnico Vadão pode não ter Marta, voltando de lesão

Créditos: Guilherme Rossini
A melhor do mundo, Marta, pode estar jogando sua última Copa com a amarelinha - CBF/Divulgação

PARIS | Na manhã de domingo, às 10h30min, a Seleção Brasileira estreia na Copa do Mundo Feminina de Futebol, contra a Seleção da Jamaica. O técnico Vadão, que vem de nove derrotas seguidas, terá uma difícil tarefa, que será aproveitar a última Copa da melhor geração da história do futebol feminino do Brasil e tentar vencê-la, algo nunca conseguido pela seleção canarinho. Para o jogo de estreia, o treinador não deve ter a melhor jogadora da história do futebol, Marta, que retorna de lesão e ainda não está em sua melhor condição física.

Mesmo diante das grandes dificuldades e da falta de apoio dentro do Brasil para o futebol feminino, a Seleção Brasileira sempre é uma das postulantes ao título. Porém, nos últimos anos, o esporte cresceu em outros países e, em 2019, a Copa do Mundo Feminina mais divulgada da história, com maior visibilidade, tem um Brasil enfraquecido, não pela falta de talento das jogadoras, mas sim pela ausência de suporte ao esporte em solo brasileiro. As nove derrotas seguidas do Brasil são a prova que, apesar de termos a melhor jogadora do mundo, e atletas como Cristiane, Formiga e Andressa Alves, o futebol jogado com a amarelinha está muito aquém do talento dessas atletas. 

Grupo do Brasil

As meninas do Brasil estão no Grupo C, com Austrália, Itália e Jamaica. As duas melhores equipes de cada um dos oito grupos se classificam às oitavas de final. As favoritas a vencer a Copa do Mundo são Estados Unidos, Alemanha e França, o país sede do torneio jogado de quatro em quatro anos.

Comments

SEE ALSO ...