Esporte

Carrinhos de lomba movimentam Estrela

Mais de 200 inscritos participaram das modalidades de participação e competição

Créditos: da redação
NA PASSARELA: a cada descida na lomba de Estrela, Brasília chamou a atenção de quem marcou presença no evento - Prefeitura de Estrela/divulgação

Estrela - Foi realizado no último domingo (26), o 3º Festival de Carrinho de Lomba de Estrela. O tempo colaborou e um grande público prestigiou o evento, realizado na Rua dos Topázios, com o objetivo de acompanhar as descidas dos mais diversos carrinhos de lomba pelos 200 metros da íngreme via do Loteamento Jardim das Pedras. Foram centenas de descidas, realizadas por grupos estreantes e veteranos na modalidade. Teve ainda quem desceu a ladeira a pé mesmo, acompanhando com zelo os jovens e a criançada.

Com promoção da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Smel) e apoio da Off Aventura, o evento ocorreu em duas etapas. Pela manhã, na modalidade participação, quando a descida estava liberada a todos que desejassem, e na parte da tarde, para competidores, que foram divididos em cinco categorias: Rolimã Tradicional Infantil, até 12 anos; Rolimã Tradicional, com idade livre; Rolimã Tradicional embutido também livre e Força Livre, com qualquer tipo de rodinha, inclusive skate e Sled livre (atletas deitados).

Ao todo, foram 150 inscritos só como participação e outros 60 na competição, de diversas cidades. A premiação foi do primeiro ao quinto lugar em todas as categorias, além de medalhas para todos os participantes do festival menores de 12 anos. Houve ainda o sorteio de dois carrinhos de lomba. Um deles, ofertado pela Smel, confeccionado por José Itamar Horn (Biti), ficou com Maria Eduarda Görgen da Silva, de Estrela. Já o outro, oferecido pelo grupo Carrinho Roli Tchê, de Camaquã, ficou com Pedro Oliveira, de Nova Hartz. As inscrições foram gratuitas no festival, mas na competição foi solicitada a doação de ao menos dois quilos de alimentos não perecíveis. Foram angariados mais de 80 quilos de alimentos e litros de leite, que serão doados pela Smel para a Escola Estadual de Ensino Fundamental (EEEF) Moinhos.

 

Brasília amarela

Entre os participantes, estava Adriano Negreiros da Costa (48), de Viamão. Ele estava no comando do carrinho que foi uma das maiores atrações do evento. "Lá vem a Brasília Amarela", alertava o público, quando ela aparecia no topo da rua. Costa, que pertence ao Viamão Racing Group e calcula já ter investido cerca de R$ 8 mil no veículo, afirma que a inspiração veio da conhecida música do grupo Mamonas Assassinas. "Ela era toda adesivada, em uma alusão ao grupo, que gostávamos muito. Por direitos autorais precisei retirar", conta. O participante elogiou muito a organização do evento. "Participamos de outros, e este é um dos mais legais. Estão todos de parabéns. Vou voltar, quem sabe já com o caminhão que estamos confeccionando", revela.

Comments

SEE ALSO ...