Esporte

É "Champions"

Liverpool vence Tottenham por 2 a 0 e conquista 6ª taça da Uefa Champions League

Créditos: Guilherme Rossini
Liverpool comemora a conquista da taça após o título perdido em 2018 - Liverpool/divulgação

MADRID | Embalados por milhares de torcedores que marcaram presença no Wanda Metropolitano, em Madrid, os jogadores do Liverpool, ao som de You'll Never Walk Alone (Você Nunca Caminhará Sozinho), não tiveram maiores dificuldades para vencer o Tottenham por 2 a 0, conquistando pela 6ª vez a Uefa Champions League. Os gols, marcados por Mo Salah, no início da partida, e Origi, no final do jogo, garantiram o tão sonhado título para o goleiro Alisson, Mané, Fabinho e toda a equipe britânica.

Depois de perder a Liga dos Campeões da Europa para o Real Madrid na temporada passada, o Liverpool, apesar de ter mantido o elenco e contratado novas peças, como Keita e Shakiri, era cotado apenas como o sétimo colocado nas casas de apostas do mundo todo para ganhar a competição. Já o Tottenham, do brasileiro Lucas Moura, era um azarão maior ainda, na décima colocação. No entanto, após fazerem semifinais heroicas, vencendo em viradas improváveis, Reds e Spurs fizeram uma partida morna, onde o maior destaque foi o goleiro da Seleção Brasileira, Alisson, que suportou com tranquilidade a pressão de Son, Kane e Lucas nos 20 minutos finais.

 

Título merecido

Depois de mais uma temporada grandiosa do Liverpool, comandado pelo alemão Jurgen Klopp, a equipe vermelha merecia, sem dúvida, essa conquista. A diferença apenas por um ponto para o Manchester City na Premier League foi um pecado para um grupo que fez uma temporada quase perfeita. Com um grupo de qualidade ascendente, que tem um dos melhores trios de ataque do mundo, formado por Mané, Firmino e Salah, além do melhor jogador da final e melhor zagueiro do mundo - Virgil Van Dijk - que, após ficar incríveis 64 jogos sem sofrer um drible (isso mesmo, um ano inteiro sem ser driblado), está entre os cotados para receber o prêmio de Melhor Jogador do Mundo da Fifa, no meio da próxima temporada europeia.

Por isso, após vencer o Barcelona por 4 a 0 em Anfield, era quase certo que os Reds não perderiam a oportunidade de levantar novamente a orelhuda. Melhor time, melhor técnico, melhor jogador e melhor torcida do mundo, nunca um título da Uefa Champions League foi tão merecido.

 

O jogo

Alucinante, como qualquer partida da Uefa Champions League, o jogo começou com um pênalti para o Liverpool, logo aos 24 segundo de jogo (isso mesmo). Salah bateu e converteu, abrindo a vantagem que qualquer time em uma final de campeonato gostaria de ter. Depois disso, o Tottenham parece ter se assustado, e a primeira etapa permaneceu morna, com as equipes pouco fazendo, a não ser pressão nos goleiros quando pegavam a bola nos pés.

No segundo tempo, os Spurs acordaram a partir dos 20 minutos, com a entrada de Lucas Moura. Eles obrigaram Alisson a mostrar que é o melhor goleiro do mundo, fechando o gol e evitando o empate. O balde de água fria para o Tottenham veio no final do jogo, quando Origi, após bate e rebate, acertou o canto de Lloris, definindo o placar por 2 a 0 e o título dos Reds.

 

Comments

SEE ALSO ...