Esporte

O legado de Marcel Stürmer

Centro de Treinamento idealizado pelo patinador lajeadense finaliza primeira temporada recheado de expectativas e planos para o futuro

Créditos: Diogo Botti
- Lidiane Mallmann

Lajeado - Os movimentos repetitivos, a técnica que aos poucos vai ficando mais refinada, os sorrisos a cada conquista. Idealizado pelo patinador Marcel Stürmer, o Centro de Treinamento de Patinação Artística de Lajeado finalizou, na última quarta-feira, a sua primeira temporada de atividades. Voltado para crianças a partir dos seis anos, a iniciativa busca formar novos atletas com trabalho específico buscando o alto rendimento dentro da modalidade.

Em parceria com o Ministério do Esporte e a Prefeitura de Lajeado, o CT mantém viva a tradição da patinação artística no município além de tentar reescrever o futuro de muitas dessas crianças.

"Inicialmente, esse projeto poderia ter sido levado para qualquer outro município, mas o Marcel sempre fez questão de estabelecer ele em Lajeado. E a gente sempre conversou sobre isso. No momento que foi concretizado ele veio e me disse que a pessoa que ele confiaria para colocar na prática um projeto de tal porte, seria eu. Isso tudo ocorreu com o Marcel sabendo que eu estava me voltando para o lado artístico e não mais para o de competição, mas a gente sentou e ele me disse que eu tinha muito a dar ainda para a patinação e refletindo, eu tenho mesmo. É por isso que estamos aí, vendo o surgimento, de quem sabe, novas estrelas", comentou Jaqueline Nonnenmacher, professora responsável por conduzir o projeto durante dois dias da semana.



O início
Os movimentos para selecionar as 40 crianças que iniciaram o projeto enfrentaram alguns problemas de avaliação a própria equipe do projeto. Mas que com o tempo foi sendo sanada e os objetivos sendo atingidos. "Era um critério de seleção do CT: selecionar crianças que teriam aptidão para o esporte sem nunca terem usado um patins. Alguns logo mostraram a pré-disposição para a patinação já outros a gente acabou errando na avaliação. Tanto que na primeira parte do projeto a gente acabou tendo uma defasagem de crianças o que nos obrigou a fazer uma nova seleção, essa um pouco mais direcionada, em que selecionamos crianças que já tinham um contato maior com a modalidade. Tivemos que dar esse primeiro passo. Para a partir disso, pensar de que maneira elas poderiam evoluir dentro do CT", explica Jaque.

A evolução e o futuro
Os 35 anos dando aula de patinação, colocam Jaqueline num patamar acima na hora de observar atletas e reconhecer as possíveis estrelas. Foi assim com Marcel, pode ser assim com outros.

"Essa turma que temos aqui surpreendeu muito positivamente. É gratificante ver a evolução quase que diária que eles nos apresentam após vestir os patins. É um trabalho extremamente focado em resultados. E temos a convicção que esse projeto formará novos campeões", conta Jaqueline.

Porém, a sequência do projeto ainda aguarda uma definição de ordem burocrática. "Vamos confiar que conseguiremos dar sequência a esse projeto tão promissor. Contamos com a efetivação da segunda etapa para evoluir ainda mais", resumiu.

Para 2018 o projeto incluirá o incremento de novos profissionais visando a qualificação dos atletas em possíveis competições em nível estadual e até nacional. "A ideia é transformar esse CT num centro de excelência no esporte. Com alunos desde o primeiro nível de aprendizado até atletas que possam competir em busca de resultados relevantes", conclui.

Sonho realizado
Aos oito anos, Maria Valentina Breitenbach vive com intensidade cada momento dentro da quadra do Ginásio Municipal Nelson Brancher, o Claudião. Uma das selecionadas sem nunca ter patinado, a falante menina foi ganhando confiança e desponta como uma das tantas promessas do projeto. "É um sonho realizado. Quando soube que ia ganhar um patins, cheguei a chorar de alegria", lembra a estudante.



Sobre a sequência no CT, Maria Valentina mostra a empolgação e a confiança dos grandes atletas "É um esporte que me motiva e que me ajuda em ter uma rotina mais saudável. Tenho certeza que vou conseguir atingir meus objetivos com o passar dos anos", comenta.

Comentários

VEJA TAMBÉM...