Geral

A faculdade na sala de casa

Mais de 130 alunos concluem a graduação nas primeiras turmas de Ensino a Distância (EAD) pela Univates

Créditos: Cristiano Duarte
O estudante Enoir Cardoso valoriza a presença da filha, mesmo quando está estudando - Cristiano Duarte

Estar ao lado da filha Gabriela (11) enquanto estuda é o que motiva Enoir Cardoso (38) a fazer o curso de graduação de Gestão Financeira no formato de Ensino a Distância (EAD) pela Univates. Ele será um dentre os 135 alunos das primeiras turmas que receberão o diploma de conclusão de faculdade. Implementado em 2017, a instituição conta hoje com mais de 1,5 mil alunos fazendo o Ensino Superior fora dos muros da universidade.

"Muitas pessoas pensam que o EAD é mais fácil. Como aluno, posso afirmar. Não é verdade. Pelo contrário. É muito mais difícil. Requer disciplina e atenção no conteúdo que recebemos para estudar. As provas exigem o mesmo nível de dificuldade que no presencial", afirma Cardoso.

Com zelo, ele mantém afinco nos estudos. Regrou-se a estudar por, pelo menos, 2 horas depois do expediente na prefeitura, onde trabalha em Encantado. Em sua casa, nos fins de semana, ela coloca as leituras em dia. Em vídeos, áudios e textos, o estudo é aplicado de forma interativa.

"Já estou chegando nos 40 anos. A correria na rotina do trabalho, o cuidado com minha filha e a atenção à família exigem bastante do nosso tempo. Com o EAD, consigo conciliar tudo. É como se a faculdade viesse até mim e não eu até a faculdade", explica Cardoso.

No caso de dúvidas em alguma disciplina, em poucos minutos Cardoso entra em contato com um tutor da Univates e obtém as respostas que precisa para complementar o estudo. Se o trabalho é em grupo, os colegas de curso reúnem-se no polo de Encantado, que localiza-se na Aci-e, para então executarem a tarefa. "Como trabalho no setor público, tenho certeza que esta faculdade vai me ajudar a fazer mais coisas com menos dinheiro. É o que a sociedade precisa em termos de gestão", conclui.

 

Preço

O custo da mensalidade EAD é das poucas coisas que lhe diferenciam do ensino presencial - já que o diploma, as disciplinas e a período para conclusão de curso são aos mesmos. Da média de R$ 1,3 mil do curso presencial, o EAD tem preços que giram em torno de R$ 300. A diferença de valor é um dos grandes atrativos para quem busca uma graduação no Ensino Superior. "Enquanto universidade, não temos um custo menor para ofertar o curso EAD. O que temos é um preço de venda mais baixo que compensamos pela quantidade de alunos adquiridos", explica o vice-reitor da Univates, Carlos Cyrne.

Dados do Ministério da Educação revelam que grande parte do público na modalidade EAD é constituído por mulheres na faixa de 36 anos e que trabalham 40 horas semanais. Deste total, pelo menos 40% são responsáveis pela maior fatia de renda da família.

Com idade média acima dos 29 anos nos cursos, o EAD da Univates também conta com alunos com mais de 50 anos. "O melhor aproveitamento neste formato de graduação se dá para pessoas que tenham um maior grau de maturidade. Isso não tem nada a ver com idade. Muitos quando estão de forma presencial nas aulas estão só de corpo presente, mas é como se não estivessem ali. O que vale no EAD é se autodisciplina para ter os melhores resultados na formação e no mercado de trabalho", sustenta Cyrne.

 

Dobro da meta

Em 2015, a Univates constatou que haviam 3 mil alunos na região formando-se em cursos EAD em outras faculdades - do RS e de outros Estados. Embrionada num primeiro momento no curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas em 2015, dois anos depois o EAD obteve reconhecimento no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade). Com isso, a instituição lançou outros 16 opções neste formato. "Percebemos que não éramos uma opção para quem tinha a necessidade de buscar ensino na modalidade a distância, independentemente das condições que lhe impediam de estarem no ensino presencial", conta Cyrne.

A meta no primeiro ano de lançamento dos cursos na modalidade EAD era de atrair pelo menos 500 alunos do total de 3 mil estudantes. Para surpresa, 2017 fechou com mais de mil alunos nas 16 graduações disponíveis.

"Conquistamos boa parte dos alunos que queriam estar na nossa universidade, mas não podiam. E mais do que isso, fomos além dos limites do Vale do Taquari e hoje atendemos estudantes de outras localidades", afirma o vice-reitor.

Ainda segundo dados do MEC, até antes de a Univates ingressar na modalidade EAD, 80% dos alunos matriculados no Rio Grande do Sul estavam matriculados em instituições de fora do Estado.

 

Integração

Para ressaltar a questão do convívio entre os alunos EAD, como ocorre no módulo presencial, a Univates tem estimulado trabalhos em grupos que ocorrem num dos 18 polos da instituição. "Estamos promovendo momento de realização de atividades em grupo. Isso ajuda a criar uma sensação de pertencimento à universidade", enfatiza Cyrne.

No futuro, o MEC e representantes do Conselho Nacional de Educação acreditam que o vestibular nas instituições privadas será extinto, já que a maior parte dos ingressos nas universidades ocorrem por meio da nota do Enem. Além disso, para os próximos anos, os alunos deverão ter maior controle sobre o modo como estudam, podendo optar por disciplinas que serão feitas de forma presencial ou na modalidade EAD.

Os cursos à distância possuem uma central no prédio 3, onde há suporte para os alunos. Pelo sistema, os profissionais que são responsáveis por assessorar os estudantes conseguem analisar a participação e o acesso dos alunos nas plataformas. Em caso de não observação do que é passado nos cursos, um assessor acadêmico ou tutor entra em contato com o matriculado.

"Percebemos que muitos alunos trancavam a faculdade por não se adaptarem ao EAD. Se sentiam desamparados, muitas vezes, inclusive, por não saberem usar a tecnologia. Então, passamos a contatá-los por telefone ou via WhatsApp e contingencionamos melhor nossos alunos", conta o assessor acadêmico Leandro Reichert.

 

Polo

A Univates conta com 18 cidades-polo onde alunos realizam provas e se encontram para atividades em grupo.

Arroio do Meio
Arvorezinha
Bom Retiro do Sul
Carlos Barbosa
Cruz Alta
Encantado
Estrela
Garibaldi
Guaporé
Lajeado
Montenegro
Serafina Côrrea
Soledade
Taquari
Teutônia
Triunfo
Venâncio Aires
Veranópolis

 

Cursos

São 16 graduações no Ensino Superior ofertadas pela Univates na modalidade EAD.

Administração
Análise e Desenvolvimento de Sistemas
Ciências Biológicas
Ciências Contábeis
Educação Física
Engenharia de Produção
Gestão Financeira
Gestão de Cooperativas
Gestão de Micro e Pequenas Empresas
Gestão de Recursos Humanos
Gestão da Tecnologia da Informação
História
Letras
Logística
Marketing
Pedagogia
Processos Gerenciais
Aprendizagem Ativa
Docência na Educação Profissional
MBA em Finanças & Controladoria
MBA em Gestão de Cooperativas
MBA em Gestão Empreendedora de Negócios
MBA em Gestão Empresarial
MBA em Gestão Estratégica de Pessoas
MBA em Marketing
MBA em Liderança e Coaching

 

 

Comments

SEE ALSO ...