Geral

Ceat recebe exposição de arte sobre a história de Lajeado

Créditos: Kassieli dos Santos
ARTISTA: Silvio Farias contou aos alunos as curiosidades sobre as obras - Kassieli dos Santos

Lajeado - Com olhares atentos e curiosos, os alunos da 3ª série do Ensino Fundamental do Colégio Evangélico Alberto Torres (Ceat) conheceram, na manhã de ontem, a exposição Pinceladas de Lajeado. O projeto faz circular pelas escolas da cidade os quadros do acervo da Casa de Cultura. A visitação contou com a presença do artista plástico Silvio Farias, que compartilhou com os estudantes sobre a processo de produção e curiosidades a respeito da história do município. "Foi necessário fazer pesquisas em livros e em mais de mil fotos, as quais são em preto e branco. Com os quadros a comunidade pôde ver a história de Lajeado em cores", explica.

A visitação continua para as demais turmas e familiares. O acervo permanece na escola por 30 dias. Conforme a professora de Artes, Liane Paaschen, esta é 4ª exposição de artistas locais levadas ao ambiente escolar. "Os alunos da 3ª série estão estudando a história do município. Agregamos a didática, mostrando a importância da arte na história. Estão sendo educados para ter o interesse em fazer visitações a exposições e conhecer obras", afirma. Também estiveram presentes o secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Carlos Rodrigo Reckziegel, e o coordenador da Casa de Cultura, Gelson Esteves.

O estudante Joaquim Steinzart (8) revela que gostou da pintura que retrata o Rio Taquari. O quadro representando a década de 1980 chamou atenção dos estudantes pela diversidade de cores usadas para retratar a exportação de pedras preciosas e semipreciosas e o carnaval que movimentava a cidade. Silvio destaca, ainda, a liberdade poética com que são mostradas as belezas locais e também aponta fatos marcantes, como o incêndio na Igreja da Matriz em 13 de janeiro de 1953.

Comments

SEE ALSO ...