Geral

Diário se prepara para o futuro

Jornal renova marca e slogan, aprimora o fazer jornalístico e reitera compromisso com a comunidade

Créditos: Fernanda Mallmann, Gigliola Casagrande
Gilberto Soares, publicitário - Lidiane Mallmann

Lajeado - São poucos os jornais no Rio Grande do Sul próximos de festejar meio século de existência. A comemoração dos 49 anos de O Informativo do Vale é o preâmbulo da data maior, o cinquentenário do ano que vem. À frente do projeto que alinha o veículo para marco tão significativo, o publicitário Gilberto Alves Soares explica ser esta uma maneira de preparar a própria sociedade para a grande mudança que ocorre em 2020. E para o planejamento para os próximos 50. Trata-se de reiterar o compromisso de O Informativo, de ser ferramenta de construção da sociedade, mantido até hoje com ética e responsabilidade. "E renovar em bases ainda mais sólidas." O tradicional diário construiu, ao longo de sua trajetória, uma relação muito próxima com a comunidade, pautando sua atuação pela pluralidade e isenção. 

Princípios presentes até hoje nas páginas de O Informativo. Para Soares, aliás, a essência do jornalismo é o impresso. Depois de enfrentar um longo período, quase uma tempestade - onde muitos ficaram à deriva e outros tantos fecharam suas portas -, as publicações dividem espaço com os meios digitais e com novos veículos, em especial no interior. 

Segundo Soares, passado o período de rea­firmação dos veículos de comunicação, não apenas o meio jornal, é o momento de o periódico ser a ferramenta paradidática que precisa ser. Em especial em um país com índices muito altos de analfabetos. "Além das funções básicas, de levar a notícia ao leitor e fazer prestação de serviço, no Brasil, o veí­culo ensina. E a leitura é o melhor método cognitivo, sobretudo a feita em papel - livro, jornal, revista -, dizem os técnicos", destaca o ávido e exigente leitor, íntimo das páginas do aniversariante há pelo menos 30 anos.

Para tanto, o diário fez uma profunda reflexão e prepara-se, a partir de agora, com uma série de lançamentos, o que vem a ser o novo O Informativo do Vale. "Estamos efetivamente implementando, com toda complexidade e dificuldade inerentes, um formato de jornalismo diferente, por uma exigência da própria sociedade", explica o publicitário. Na prática, vai ser um periódico mais próximo do leitor. Para não deixar tudo para 2020, algumas alterações entram em vigor já neste mês. Entre elas, a reforma editorial e gráfica, com conteúdos mais sintetizados. Em foco, a produção de textos mais claros e enxutos, para um jornal mais limpo. "Temos uma redação jovem, tem de ser preparada para fazer, de forma efetiva, o jornal de amanhã, o de antevisão." A maneira de abreviar este processo é a abertura de espaço para a diversidade de opinião, com novos colunistas em áreas importantes como economia e política. Esta é uma das novidades que o diário apresenta a partir deste mês de aniversário.

Marca renovada

A marca de O Informativo do Vale retoma o tom de azul. Gilberto Soares explica que ela fica um pouco mais clara e mais forte. Ganha um cursor, na letra "A", apontando para o amanhã. É para o futuro, aliás, que jornal se prepara, para se situar nestes momentos próximos. Para o publicitário, as empresas não podem ser centralizadas em seus fundadores. "Elas devem dar um salto além da pessoa. Para isso, precisam de lideranças, de planejamento e de uma transição." Ainda neste sentido, é importante definir suas políticas - instituicional, editorial, comercial - para nortearem sua atuação. "As pessoas precisam entender o que a empresa pensa, o que se é e o que quer ser."

Palavra e história

Páginas e páginas do jornal registram o dia a dia, os desafios e conquistas da comunidade. No exercício do jornalismo, o diário apresenta um retrato de uma época. O Informativo do Vale é um documento. "Dá para sentir a vida da cidade e da região em suas edições. Elas estão ali, adormecidas, à espera que alguém as desperte", pontua Gilberto Soares, criador do novo slogan, "Um jornal de palavra faz história". A máxima reforça a tradição e a seriedade da atuação do veículo que hoje completa 49 anos. "O slogan é uma técnica. O principal é o que ele não diz, mas o que as pessoas entendem", diz o publicitário. 

A um ano do cinquentenário, O Informativo do Vale tem história. "Palavra quem vai julgar são os leitores." Soares destaca que o períódico se transformou em instituição ao longo do tempo. O que não figura nos livros está no jornal, nestes 49 anos. "Em resumo, através de palavras, as notícias, ele ruma aos 50 anos. E nesse tempo, construiu uma história. E essa história vai permitir que ele construa a história dos próximos 50 anos."

2020 logo ali

A contagem regressiva começa agora. Em 8 de maio de 2020, O Informativo do Vale festeja seu cinquentenário e implementa, de fato, as propostas que estão no forno. Sem maiores detalhes, Gilberto Soares cita a convergência digital, o olhar ao on-line, que precisa estar alinhado com o jornalismo impresso. "Nos 50 anos, vamos estar trabalhando com mais propriedade no projeto implementado agora", aposta. 

Para o publicitário, a redação estará conhecendo bem o projeto. "Estaremos escrevendo muito melhor. Os prêmios que a Lidiane (Mallmann) está ganhando, isso vai se ampliar, pela valorização da fotografia com o novo projeto gráfico." Ele acredita que o jornal vai contar com uma redação com mais distinções. "Porque temos uma série de repórteres que têm futuro, têm potencial. Esses estarão em outra fase, para a visibilidade de O Informativo e o prazer do leitor."

Comments

SEE ALSO ...