Geral

Filó une gerações em momento de partilha e oração

Festa resgata a origem dos imigrantes italianos

Créditos: Francelli Castro
CONFRATERNIZAÇÃO: coral Amicci del Filó cantam animando a comunidade - Francelli Castro

Doutor Ricardo - Na noite de segunda-feira (13), dia de Nossa Senhora de Fátima, teve início as festividades do VII Stimana Taliana e Filó de Doutor Ricardo. Na ocasião, junto à Paróquia São Caetano, membros da comunidade levaram as capelinhas de Nossa Senhora e rezaram o terço com as ladainhas em latim, acompanhado dos cânticos religiosos em italiano, do grupo Amicci del Filó.

Em italiano, a prefeita Catea Rolante, agradeceu a presença da comunidade. Ela frisa a importância em cultivar as tradições de seus antepassados, pois é uma forma de manter a memória viva. "Quando festejamos o Filó, estamos revivendo nossas origens". Em 2016, uma lei municipal denomina Doutor Ricado como a Terra do Filó.

Mesmo não tendo uma festa típica de grandes proporções, Catea fala que ao compartilhar com a comunidade, se conhece muitas outras histórias dos antepassados. "Creio que não precisamos de grandes festas. Vamos ter o XIV Filó da cidade no próximo dia 24 para a comunidade ricardense e visitantes. Com a grandiosidade que se tornou o nosso evento, queremos que todos venham prestigiar, pois a gastronomia está sendo preparada com muito carinho e queremos que todos se sintam acolhidos", ressaltou a prefeita. Ela lembra que, para esta data, será cobrado ingresso, e a venda é apenas antecipada, até dia 20 de maio. "A gente pede para que comprem o quanto antes suas entradas para que nossa organização possa bem receber os que aqui vierem com muita música e dança". A programação desse dia inicia às 18h30min com a Messa in Talian, na Igreja Matriz São Caetano, seguindo para o salão paroquial, para a degustação de comidas e bebidas típicas. A animação ficará por conta o Musical Kremony.

A mesa farta de pratos típicos italianos trazidos pelos moradores, muitos vestidos com roupas que representavam as da época, foi abençoada pelo Padre Alberto Tremea, com oração à Nossa Senhora, abrindo a confraternização do dia, que contou com muita música e alegria. As amigas Iracema Faccini, Anair Giacobbo e Lorena Valentini, falam que esse é o momento mais bonito. "Meus avós vieram da Itália, nos passaram essa tradição e eu passo para meus filhos, netos e bisnetos", conta Anair, que é mãe do vice-prefeito Álvaro Giacobbo. "Esse mês é todo dedicado à imigração e tenho orgulho em dizer que hoje podemos contar com a presença do nono Zenere, que é filho da primeira geração de imigrantes do nosso município", conta Giacobbo.

O Filó tem esse objetivo, juntar as gerações em um espaço de memórias. "Nós como Administração, estamos trabalhando fortemente o evento com as escolas, e é bonito pois aqui na Casa do Filó as crianças podem conhecer mais sobre suas famílias vindas da Terra Mãe", destacou a prefeita.

As soberanas Larrissa Vieira e Mariane Mariotti, estão há dois anos representando o evento e o sentimento é de gratidão por levar o nome de Doutor Ricardo e principalmente do tradicional Filó. "Não somos apensas soberanas, somos a cara do Filó de Doutor Ricardo e é muito gratificante, pois a nossa juventude precisa conhecer e estar mais presente com os nossos costumes", afirma Larrisa.


Filho de imigrante se emociona ao lembrar da família

Telvi Antônio Zenere (85), natural de Doutor Ricardo, conta que nasceu na localidade do Palacinho, hoje o Centro da cidade. Neto e filho de imigrantes italianos, ao lembrar a história dos avós que vieram muito cedo para o Brasil, ainda no século XIX, se emociona. "Quando chegaram no Brasil, eles foram para São Paulo, depois Bento Gonçalves, e só algum tempo depois chegaram aqui em Doutor Ricardo". O patriarca da família saiu da Itália com a esposa e cinco filhos, enfrentando muitas dificuldade pelos lugares que passou, até fixar residência onde hoje é o município. "A gente ouviu muito o nono e a nona falarem que tudo aqui era mato. Faziam tudo a pé ou com carroça", conta. O senhor Luigi Zenere, pai de Telvi Zenere, veio ainda criança, aos dois anos, e desde muito novo ajudava em casa. "A vida não foi fácil, mas sempre tivemos muito amor. A nona contava histórias e sempre nos ensinava sobre o Filó, nos levando pelas estradas com lampiões para visitar os irmãos da pátria para rezar e partilhar".

Hoje, Telvi Zenere procura sempre incentivar a família, principalmente os netos e bisnetos da importância da família. "As mesmas coisas que a gente ouviu da mãe e do pai, eu passei para os meu filhos e também para os filhos deles, mesmo que hoje exista essas tecnologias todas, o amor ainda é o que nos conecta". Há alguns anos ele sentiu a necessidade de buscar mais sobre a sua origem, e com a ajuda dos filhos e netos foi para a Itália. Lá ele teve um reencontro com o passado, vivido pelos seus avós, tios, e viu nessa viagem que tudo que fora contado pelos avós se tornava presente naquela visita. "Se hoje não contenho às lágrimas, imagine quando cheguei na casa em que meu pai nasceu, tudo muito simples".

Sobre o resgate histórico das famílias que vivem em Doutor Ricardo, ele fala que seria muito bom se cada um pudesse ter a oportunidade de conhecer mais sobre. "Eu pude fazer essa visita e queria que cada um também pudesse, pois o sentimento que isso me trouxe foi apenas de gratidão, por tudo que eles passaram para chegar até onde chegaram, mesmo com todos os tropeços da vida".


A Casa do Filó

Até 26 de maio, a Casa do Filó será palco de confraternização. Nesses dias o espaço que recria as antigas casas construídas pelos imigrantes, com cristaleiras, bancos de madeira, fogão a lenha com pinhão na chapa, será utilizada pelas secretarias, escolas e comunidade, com rodas de conversas e partilha.

 

Pontos de Vendas dos Ingressos

Doutor Ricardo
Sicredi, Posto Acco, Mercado Piuttosto, Mercado Lisot

Na região
Anta Gorda: Acesso Informática
Arvorezinha: Acesso Informática
Coqueiro Baixo: Mercados Conte e Bortoncelo
Encantado: AGF Supermercados, Loja Patussi, Cia do Jardim
Ilópolis: Farmácia Avenida
Muçum: Loja Patussi
Nova Bréscia: Mercado Bresciense
Putinga: Farmácia Agafarma
Relvado: Padaria Lorenzini

Comments

SEE ALSO ...