Geral

Sebrae divulga programação de cursos para primeiro semestre

Liderança e vendas são temas de cursos em 2018

Créditos: Carolina Schmidt
ATIVIDADES: Capacitações, cursos e eventos do Sebrae realizados, durante o ano, são voltados para micro e pequenas empresas - Lidiane Mallmann/arquivo O Informativo do Vale

Lajeado - As áreas de manipulação de alimentos, liderança e vendas serão destaques nas capacitações da unidade de Lajeado do Sebrae em 2018. Os temas serão abordados, no primeiro semestre, em palestras e cursos para pessoa física e microempresários. O cronograma foi divulgado, ontem, pelo assistente técnico do Sebrae, Gustavo Pezzi. A abertura das atividades será em 30 de janeiro, com a palestra Liderança para resultados: o papel do líder em times de mudança.

Para que as micro e pequenas empresas possam desfrutar das atividades do Sebrae, basta procurar a unidade, em Lajeado, ou acessar o endereço eletrônico www.sebrae-rs.com.br. "São formas de conhecer as ferramentas que o Sebrae disponibiliza para os pequenos negócios no Vale do Taquari e, também, conferir os cursos online e gratuitos", explica.

As palestras e capacitações, além de trazer conhecimento aos participantes, contribuem para o desenvolvimento da região, pois quanto mais capacitados os empresários, melhores os resultados na economia. Conforme a gerente do Sebrae do Vale do Taquari e Rio Pardo, Liane Klein, a contribuição das micro e pequenas empresas é significativa, pois representa 90% das empresas da região e 55% dos trabalhos gerados.

"Nossa missão é desenvolver e fomentar o empreendedorismo, por isso realizamos uma série de atividades, projetos coletivos e cursos. Temos várias linhas de trabalho que fazem toda a diferença e refletem dentro e fora das empresas." Conforme ela, no ano passado, o número de atendimentos, com os serviços do Sebrae e capacitações, chegou a 7.307 nos vales do Taquari e Rio Pardo.

Perfil Empresarial: apoio e direcionamento
Além dos cursos e palestras, serão realizadas, durante o ano, as consultorias e acompanhamentos das micro e pequenas empresas, em Lajeado e em outras cidades do Vale do Taquari.

O sistema foi adotado pelo Sebrae no ano passado e é chamado de Perfil Empresarial. De acordo com Gustavo Pezzi, por meio da proposta de atendimento, é feita uma visita à empresa, com horário agendado, para conhecê-la e conversar sobre a gestão. "É um momento de troca de ideias, na qual se identifica a situação do empreendimento nas áreas de gestão financeira, marketing, planejamento, processos e gestão de pessoas. Ao lado do diagnóstico, verificam-se oportunidades de melhorias e sobre elas são dadas dicas e orientações, visando o crescimento e o desenvolvimento."

Após a conversa, apresenta-se ao empresário a devolutiva da empresa, com os percentuais de desempenho de cada área abordada. Com base nas informações, identifica-se o grau de maturidade da gestão do negócio e se compara com a média de maturidade das empresas do mesmo segmento por meio de dados de todo o Estado.

"Após esse atendimento, pode ser construído com o empresário um plano de ação com as indicações que ele deverá fazer buscando melhorias e desenvolvimento de sua gestão. Ele poderá contar com o acompanhamento do técnico do Sebrae durante o período de realização dessas ações, no decorrer do ano. No plano de ação poderão constar indicações de cursos, palestras, capacitações online, consultorias, entre outros. As recomendações são personalizadas, adequadas às particularidades de cada negócio", observa Pezzi.

De acordo com Liane Klein, o Perfil Empresarial será aplicado novamente em 2018, pelos bons resultados que traz aos empresários. "Eles aprovaram e já tiveram muitas evoluções dentro da empresa. Os resultados diferenciados é que fazem a economia crescer. Os pequenos e micro empresários fazem toda a diferença para o desenvolvimento. O Perfil Empresarial ultrapassou a meta que tínhamos no ano passado e acredito que esse ano não será diferente", destaca Liane.

Conforme a coordenadora regional, os empresários podem obter melhores resultados se estiverem organizados e com o conhecimento de seu negócio. "Como o Perfil Empresarial tem esse objetivo, a profissionalização obtida, por meio do serviço, é uma forma de gerenciar os processos dentro das empresas e fazer com que os objetivos sejam alcançados."

De acordo com ela, o Sebrae atendeu, no ano passado, 2 mil micro e pequenas empresas. Para fazer parte do grupo, as micro empresas podem solicitar o serviço gratuito por meio do telefone 3710-1697.

Programação de cursos até maio de 2018
Os cursos e palestras são realizados na unidade do Sebrae, de Lajeado, que fica na Rua Silva Jardim, 96, Bairro Centro. As inscrições podem ser feitas pelo telefone 3710-1697 ou pelo e-mail [email protected]

Palestra Liderança para resultados: o papel do líder em times de mudança
O evento será gratuito e ocorrerá no dia 30 de janeiro, das 19h até as 21h

Curso de Boas Práticas de Manipulação de Alimentos
Será entre os dias 5 e 8 de fevereiro, das 18h30min até as 22h30min. O valor é de R$ 150 para pessoa física e de R$ 115 para micro e pequenas empresas

Workshop Preço de Venda
A capacitação será dias 26 e 27 de fevereiro, das 18h30min até as 22h30min, com o valor de R$ 138 para pessoa física e de R$ 104 para micro e pequenas empresas

Workshop Abordagem de Vendas
Será no dia 20 de março, das 18h30min até as 22h30min. O valor do investimento para pessoa física é de R$ 92 e para micro e pequenas empresas de R$ 69

Curso Boas Práticas de Manipulação de Alimentos
O curso será entre os dias 2 e 5 de abril, das 14h até as 18h, com o valor de R$ 150 para pessoa física e de R$ 115 para micro e pequenas empresas

Líder Coach: Liderança de Alta Performance
A capacitação ocorrerá nos dias 23 e 24 de abril e 8o de maio, das 14h até as 22h. O valor para as micro e pequenas empresas é de R$ 1.265.

 

Comentários

VEJA TAMBÉM...