Geral

Stacione esclarece dúvidas sobre pós-pagamento no rotativo

Alertas são principais causas de reclamações entre os usuários das vagas temporárias

Créditos: Matheus Aguilar
Central na sede da Stacione permite acompanhamento em tempo real. No detalhe é possível saber, por cores, a situação em cada vaga - Matheus Aguilar

Lajeado - Os Avisos de Pós-Pagamento (APP) do estacionamento rotativo de Lajeado, dispositivo criado pela lei 10.473, de 28 de setembro de 2017, têm gerado grande número de reclamações junto à Stacione. Conforme a empresa concessionária do serviço no município, o APP só é afixado ao para-brisa de veículos cujos motoristas não compram o ticket ou não possuem mais saldo disponível no cadastro. E é nesta segunda situação que os problemas se concentram.
Conforme o gerente da Stacione Rotativo, Carlos Hessler, muitos protestos relacionados aos Avisos de Pós-Pagamento são motivados por desatenção dos usuários. "Às vezes, o motorista esquece de fazer o procedimento padrão de pagamento, seja por aplicativo, nos parquímetros ou com monitores", destaca. Segundo ele, o APP é gerado também para aqueles usuários cadastrados e que não possuem saldo suficiente. "O valor pode ser quitado ao término do tempo de utilização do rotativo."

Cada aviso é referente a uma hora na mesma vaga e, como o tempo máximo permitido é de duas horas em cada, o motorista pode receber dois por vaga. Se não pagos, podem chegar até cinco APPs por veículo. "O que seria o sexto já é um título sem valor, mas intitulado de irregular. Nessa situação, o automóvel pode ser até mesmo guinchado pelo setor de trânsito da prefeitura", alerta Hessler.

O primeiro Aviso de Pós-Pagamento tem o dobro do valor de uma hora na vaga. "Como cada hora custa R$ 2,20, o primeiro APP é de R$ 4,40", frisa Hessler. Se o motorista receber todos os avisos possíveis, o último já custará R$ 22. "Mas os valores são acumulativos. Para regularizar a situação será preciso desembolsar R$ 66", reforça o gerente da Stacione.

 

Acompanhamento

A Stacione tem 37 funcionários fiscalizando o cumprimento dos horários nas 1,2 mil vagas disponíveis para rotativo em Lajeado. Uma central de monitoramento, na sede da empresa, acompanha em tempo real a utilização dos espaços. Carlos Hessler explica que, dali, é possível saber todas as informações relacionadas à utilização daquela vaga. "Sabemos a placa, se fez o pagamento pelo uso, o horário e o monitor que emitiu o ticket."

 

Alertas

Auxiliar financeiro da concessionária do serviço, Edilene Ortaça ressalta que o tempo máximo de permanência em cada vaga é de duas horas. Nas situações em que o veículo está cadastrado e o motorista possui saldo suficiente, mas não foi feito o procedimento para o débito, os fiscais da empresa emitem o ticket no valor de uma hora. "Caso o tempo seja menor, será preciso fazer uma solicitação de estorno aqui na empresa", indica.

Permanecendo mais de uma hora na vaga, uma segunda cobrança, de mais uma hora, é emitida. "E se passar de duas horas, ele recebe um aviso de permanência excedida, sem valor, porém educativo para que controle o tempo."

Edilene reforça que para veículos cadastrados, o Aviso de Pós-Pagamento é dado apenas quando não houver saldo suficiente. "Por isso é importante que os motoristas sempre observem o quanto está disponível. Isso pode ser feito pelo smartphone, pelo site, por meio do ticket deixado no carro pelo monitor ou pelo serviço de atendimento ao cliente", sugere. Se a placa cadastrada tiver um Aviso de Pós-Pagamento não quitado, o saldo fica bloqueado e não será possível usufruir do débito automático.

 

Tecnologia para auxiliar

Uma sugestão do gerente da Stacione, Carlos Hessler, é que os usuários utilizem o aplicativo para celular, disponível para os sistemas Android e iOS. "Creio que pelo menos 90% de quem tem cadastro na empresa tenha o aplicativo no smartphone", cogita. O programa permite a ativação de períodos de 15 a 120 minutos, recarga e consulta do saldo e visualizar pendências, caso existam. "Penso ser a maneira mais simples de evitar o recebimento do aviso de pós-pagamento e da emissão do ticket de uma hora pelo fiscal quando o uso for menor. Minimiza a possibilidade de transtornos", acredita Hessler.

 

Saiba Mais

Os Avisos de Pós-Pagamento (APP) são acumulativos. Assim, quanto mais avisos o motorista receber, maior será o valor a pagar. A tabela é a que segue:
1º aviso: R$ 4,40
2º aviso: R$ 8,80 (total a pagar de R$ 13,20)
3º aviso: R$ 13,20 (total a pagar de R$ 26,40)
4º aviso: R$ 17,60 (total a pagar de R$ 44)
5º aviso: R$ 22,00 (total a pagar de R$ 66)

 

Comentários

VEJA TAMBÉM...