Grêmio

Morre o ex-presidente Fábio Koff

Ele morreu aos 86 anos


- Lucas Uebel/Grêmio FBPA/divulgação

Porto Alegre - O Grêmio perdeu hoje um dos mais destacados presidentes de sua história. Fábio Koff (86), morreu no Hospital Moinhos de Vento, onde estava internado desde ontem. Ele chegou ao Tricolor em 1975, quando foi vice-presidente de Hélio Dourado. Em 1981, elegeu-se presidente e em 1983, ainda sob seu comando, o clube foi campeão da Libertadores e do Mundial.

Na década de 1990, Koff teve mais uma passagem muito positiva pelo Grêmio. Ficou no cargo entre 1993 e 1996, quando o clube ganhou a Copa do Brasil (1994), Libertadores (1995) e Recopa Sul-Americana e Brasileirão (1996).

Em 2012, foi eleito para mais um mandato, mas neste não foi vitorioso. Porém, fez negociações importantes para o tricolor. 

Confira a nota de pesar que o Grêmio publicou:

"Com enorme pesar o Grêmio informa o falecimento do seu eterno presidente Fábio André Koff, nesta quinta-feira, aos 86 anos.

O Clube expressa toda consternação pela perda de um símbolo de sua história, responsável pela maior glória já alcançada dentro de campo, e solidariza-se com sua família, amigos e com a torcida tricolor."

Comentários

VEJA TAMBÉM...