Lajeadense

Faltou pouco

Lajeadense sofre gol no final do jogo e fica fora das semifinais da Divisão de Acesso

Créditos: Guilherme Rossini
GOLEADOR: Maycon marcou os dois gols do Lajeadense no empate contra o Esportivo, em Bento Gonçalves - Lajeadense/divulgação

Bento Gonçalves - Com a confiança do treinador Serginho Almeida após a derrota da semana passada por 2 a 1 em Lajeado, o Lajeadense entrou em campo contra o Esportivo, de Bento Gonçalves, precisando de uma vitória simples para levar o jogo para os pênaltis. Foi o que quase aconteceu nos 90 minutos de disputa. Após sair na frente, com Maycon, o Dense levou o empate, dois minutos depois. Porém, no final do primeiro tempo, a equipe desempatou a partida, novamente com o camisa 9. Entretanto, o castigo veio no final do jogo, aos 41 minutos, quando Nena acertou ótima cabeçada e deu números finais ao jogo e a classificação do Lajeadense.

Principalmente no segundo tempo, os dois times já tinham se conformado com a ideia de ir para os pênaltis, e a profecia de Serginho Almeida, que disse antes de iniciar o jogo que a classificação viria para Lajeado, seguia com oportunidade de se concretizar. Mas na segunda vez na partida, os visitantes levaram um gol de bola aérea, nas costas da zaga, perdendo a classificação para seguirem o sonho de retornarem para a Primeira Divisão do futebol Gaúcho.

 

O jogo

Precisando da vitória, o Lajeadense começou a partida nervoso, e o Esportivo de Bento Gonçalves se aproveitou disso. A equipe mandante marcou os dois primeiros gols do jogo, mas foram marcadas irregularidades nos lances. O Dense era perigoso com seu principal atacante, Maycon, com Marquinhos e Gui Dalpian, pela esquerda. Aos 37 minutos, Marquinhos deu uma ótima enfiada de cavadinha e o camisa 9, Maycon, de primeira, abriu o placar para os visitantes. Mas o Esportivo reagiu rápido e empatou, de cabeça, com Toni Jr. No entanto, o Lajeadense não desistiu e em belo chute fez o goleiro adversário fazer grande defesa. Mas no escanteio, o próprio Dalpian cruzou e Maycon fez mais um, aos 46 minutos, colocando o time de Lajeado na frente do placar.

Na segunda etapa, em um jogo truncado, as equipes abraçaram o resultado, que se terminasse em 2 a 1, iria para as penalidades máximas. No entanto, dois minutos após entrar em campo, Nena recebeu belo cruzamento e cabeceou, sem chances para o goleiro Kevin, aos 41 minutos do segundo tempo. Com o empate em 2 a 2, o Esportivo garantiu a vaga nas semifinais da Divisão de Acesso.

 

Comments

SEE ALSO ...