Colunistas

Rodovale lançará nova linha de semirreboques na Expointer

O produto é fruto da demanda de um distribuidor paraguaio, o que acabou por influenciar pela estreia no mercado externo


Reação a reboque

A Rodovale Implementos Rodoviários, de Lajeado, escolheu a Expointer, que transcorre de 26 de agosto a 3 de setembro em Esteio, para lançar ao mercado interno sua nova linha de semi reboque graneleiro com três eixos. A feira não poderia ser mais propícia, já que os grãos são o mote de transporte deste modelo. O produto é fruto da demanda de um distribuidor paraguaio, o que acabou por influenciar pela estreia no mercado externo.
O semi reboque graneleiro, assim como as outras unidades fabricadas dentro da própria Rodovale, simbolizam a sustentação da empresa no mercado num período de crise sem precedentes para o setor. Para a Rodovale, não bastasse a queda brusca nas vendas, há mais de dois anos a empresa não realiza nenhuma transação como concessionária da Guerra, que está em recuperação judicial. "Felizmente, no passado incrementamos nossa atividade com a produção interna de equipamentos. Isso está sendo decisivo hoje", afirma o diretor Rudi Becker.


Em tempo

Nem a mais pessimista das previsões foi tão cruel com o setor de equipamentos rodoviários do Brasil quanto a realidade revelada pelos números da Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (Anfir). A venda que era de 190 mil unidades em 2011, caiu para 160 mil em 2014, 80 mil em 2015 e 70 mil no ano passado. Com a expectativa de encerrar 2017 com 45 a 50 mil unidades, representa uma derrocada de cerca de 75% na comercialização.
A boa notícia é que a curva de declínio começa a mudar. Na Rodovale, até o dia 10 deste mês, as vendas já foram o equivalente ao volume médio mensal dos últimos dois anos. Que assim prossiga!

 

Para vender mais
De 12 a 15 de setembro a Refricomp, de Lajeado, vai estar na 20ª Feira Internacional de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação, Aquecimento e Tratamento do Ar. O evento ocorre em São Paulo e reúne fabricantes do Brasil inteiro dispostos a aumentar suas vendas. Vai expor suas novidades na linha de refrigeração, a qual definiu como foco recentemente, após encerrar a produção de vidros para engenharia. A empresa produz portas e acessórios para indústrias de geladeiras domésticas e comerciais.
A Refricomp coloca no mercado uma média mensal de 12 mil portas verticais - o carro chefe - e outras cinco mil horizontais.


Visita espanhola
O Parque Científico e Tecnológico do Vale do Taquari (Tecnovates) recebe uma visita ilustre quarta-feira. Quem estará na casa é o espanhol Josep Miquel Piqué, presidente da Associação Internacional de Parques Científicos e Áreas de Inovação (IASP, sigla em inglês), da qual o Tecnovates é membro.
Piqué profere a palestra "Dos Parques Científicos e Tecnológicos aos ecossistemas de inovação - desenvolvimento social e econômico na sociedade do conhecimento", a partir das 15h30min, no auditório do Tecnovates. O evento tem 20 vagas para a comunidade em geral e as inscrições para participar podem ser realizadas pelo e-mail [email protected] Mais informações pelo telefone (51) 3714-7000, ramal 5956.

A propósito
A IASP tem como objetivo estimular o desenvolvimento dos parques científicos e tecnológicos por meio da inovação, do empreendedorismo, da tecnologia e do conhecimento. Para a diretora administrativa do Tecnovates, Simone Stülp, ser reconhecido full member da IASP demonstra o amadurecimento e um avanço no estágio de consolidação do Parque Tecnológico do Vale do Taquari.

 

Pela região
Um grupo de 31 sucessores de empresas familiares do Estado tomaram Fruki e conheceram na linha de produção os itens de limpeza doméstica da Girando Sol. As indústrias de Lajeado e Arroio do Meio foram visitadas pelo núcleo Jovem da Associação Gaúcha de Supermercados (Agas) no último dia 4.
As empresas abriram as portas de suas matrizes industriais e compartilharam informações de gestão, mercado e produção com jovens líderes.


Exemplo de gestão
Cooperativas do exterior estão buscando conhecimento na Dália Alimentos. Neste ano, duas instituições paraguaias estiveram em Encantado para conhecer o modelo de gestão adotado e praticado pela empresa. A mais recente, na terça-feira, foi uma comitiva composta por 32 pessoas, sendo a maior parte associados e coordenadores zonais da Cooperativa Colonias Unidas, do Departamento de Itapua.
Eles foram recepcionados na matriz, em Encantado, e depois conheceram o Condomínio Associativo com Ordenha Robotizada e a Granja Suinocultura do Vale, ambos em Arroio do Meio. 

 

Comentários

VEJA TAMBÉM...