Negócios

Stágio completa 35 anos em prol da atividade física e da saúde

Darci Luiz Vallari fundou a primeira academia de Lajeado no ano de 1983

Créditos: Naiâne Jagnow
Trio: Ismael Alberton, Darci Vallari e Jorge Emanuel Costa comandam a academia - Lidiane Mallmann

Lajeado - O acaso misturado com o espírito empreendedor de um jovem educador físico fez com que Darci Luiz Vallari (65) fundasse a primeira academia do município, em abril de 1983. O que começou com aulas de ginástica em sua residência, no Bairro Hidráulica, se tornou uma marca de sucesso: a Stágio. Hoje a empresa conta com mais dois sócios, Jorge Emanuel Costa e Ismael Alberton, que juntos têm por objetivo promover o bem-estar físico e mental por meio da atividade física.

Os 35 anos foram marcados pela evolução. Algumas senhoras pediram para Vallari começar a dar aula de ginástica, após 60 dias, os primeiros equipamentos já tinham sido comprados. "Não foi planejado, apenas aconteceu. Depois disso, com o aumento da clientela, veio a necessidade de uma sala maior, daí a chance de vir para o Centro, no prédio da Unimed, por meio de uma fusão. Depois fomos para a Arla, em uma sala com mais espaço. Em 2004, o lugar tornou-se ainda maior, que é onde estamos agora, a Stágio", explica o educador físico, referindo-se à antiga sede social do Clube Tiro e Caça, na Rua João Batista de Mello.

Montar o empreendimento foi a realização de um sonho. "Eu tinha uma vontade de ter uma coisa própria. Eu era formado em Educação Física e trabalhava em escola. Eu vi naquilo ali uma opção, uma oportunidade e a agarrei." Atualmente, Vallari se sente satisfeito e realizado com tudo que conquistou. "Como empresário e como profissional fui bem-sucedido dentro da área. Sacrifiquei-me muito, manhã, tarde e noite."

Vallari apresentou para Lajeado um novo segmento. "Musculação era uma coisa do outro mundo na época, porque tanto os Estados Unidos quanto a Rússia não abriram a prática, isso só ocorreu com a queda da Guerra Fria, assim o mercado fitness eclodiu no mundo todo." Apesar de desconhecido, as pessoas aderiram à prática, principalmente porque tinham a necessidade de ter um espaço para praticar exercícios.

Em todos esses anos, a atividade física evoluiu. Vallari destaca o aumento da frequência da terceira idade e outros públicos na academia. "No início, as pessoas viam a musculação como uma atividade elitizada", conta. Ele até acompanhou as mudanças na moda. "As pessoas usavam calça grudada até o pé, e, por cima, um maio. Depois foi mudando, até que hoje as pessoas colocam uma camiseta, uma bermuda, ou, shorts e vão."

O que mais marcou para o profissional foram os amigos que conquistou ao longo dos anos. Aliás, para ele o sucesso está ligado ao bom relacionamento. "A prioridade de academia é o cliente. As pessoas buscam muita atenção neste espaço e isso é um cuidado que a gente tem. Tenho alunos que estão há 35 anos comigo, eles vão e voltam. Tenho muito carinho por todos".

Jorge ressalta que a Stágio faz parte da história de Lajeado, como sua primeira academia. "Não é qualquer empresa que se mantém por todo esse tempo no mercado, sempre com o mesmo jeito e seriedade. Esperamos manter esse foco por pelo menos mais 35 anos, levando muita saúde aos nossos alunos." Para ele, fazer parte desta trajetória é importante. "É uma grande honra e satisfação, como profissional da Educação Física, fazer parte da história da Stágio. Pelo nome que criou ao longo desses anos, pelo trabalho, pela seriedade e comprometimento com a integridade física dos alunos."

Saiba mais 

A Academia Stágio está localizada Rua João Batista de Mello, 219, Centro. Para entrar em contato ligue para (51) 3710-1528.

Comentários

VEJA TAMBÉM...