Colunistas

Mmimimi e NheNheNhe

Fabiano Conte [email protected]


A geração "mimimi" é identificada como aquela que não para de reclamar. Seus integrantes ganharam as redes sociais para denunciar injustiças e não deixam por menos. Mas também tem a geração "NheNheNhe", os conservadores que acham que vivem num mundo perfeito. Sou de um tempo que dar opinião era algo comum entre as pessoas. Hoje temos que ter todo o cuidado do mundo para não incorrer no "politicamente incorreto". As redes sociais passaram a fiscalizar o comportamento dos outros. E tudo pode virar polêmica. Vivemos num período chato.

Em casa
Receita Federal começa a "notificar" contribuintes que declararam no Imposto de Renda deste ano ter dinheiro vivo em casa. A prática não é ilegal, desde que comprovada sua origem. Pelos números da Receita, em Lajeado 562 contribuintes declararam ter R$ 139.440.894,31 em espécie, uma média de R$ 248 mil por declarante. Dinheiro que não está em banco ou aplicação financeira. Certamente guardados em cofres ou embaixo do colchão.

Vai dobrar
Interessante e preocupante a reportagem publicada pelo O Informativo esta semana que mostra os buracos na ERS-130, entre Lajeado e Encantado. A notícia dá conta que são 50 buracos. Este número aumentará consideravelmente nos próximos meses até que a empresa tome providências. É prejuízo para o motorista que paga IPVA e pedágio e um risco de acidentes todos os dias. Um privilégio que não é somente da ERS-130.

Exemplos
Sou fã de Neymar pelo seu futebol, mas condeno suas atitudes extracampo. Nunca foi um exemplo para a gurizada. Mas a história que apareceu e a acusação de estupro tá mal contada. Difícil de engolir.

Aos poucos
A oposição diz que o presidente Bolsonaro está perdido. A situação acredita que aos poucos ele está se "encontrando" no jeito de governar. Os que não tem lado algum só querem que o governo faça o Brasil deslanchar. Precisamos voltar a crescer.

Cadê o frio?
Lojistas estão apavorados e com estoque abarrotados. Em anos anteriores, nesta época, já tinha feito frio mais rigoroso. Este ano, até agora, nada de temperaturas gélidas. Se o frio não chegar logo será um ano de amargos prejuízos para o comércio.

Ciclovia
Aumentam os adeptos do ciclismo no Vale do Taquari. Estes, por sua vez, cobram locais especiais para a prática do esporte. Disputar espaço com veículos não é o melhor caminho. Mas é o que resta por enquanto.

É lei
Não vejo problema algum o ex-deputado Enio Bacci (PTB) receber aposentadoria pela Câmara dos Deputados. Ele exerceu cinco mandatos, contribuiu para tal, e agora terá direito ao benefício. São cerca de R$ 21 mil mensais. O leitor pode até entender ser um processo amoral, mas ilegal não é. São regras do sistema que precisam mudar a partir de agora. O que passou, já foi.


Comments

SEE ALSO ...