Polícia

Municípios da região recebem soldados

Comando transferiu servidores levando em conta o efetivo e os indicadores de criminalidade de cada região

Créditos: Natalia Nissen
- Lidiane Mallmann/arquivo O Informativo do Vale

Vale do Taquari - O Comando Regional de Polícia Ostensiva do Vale do Taquari (CRPO-VT) passa a contar com 12 novos soldados a partir desta semana. Os servidores atuarão no policiamento dos municípios de Capitão, Nova Bréscia, Tabaí, Progresso, Estrela e Lajeado. Parte do novo efetivo começou a trabalhar na tarde de ontem e o restante deve apresentar-se à corporação nos próximos dias. Segundo o comandante regional, coronel Ricardo Alex Hofmann, a distribuição dos militares considera o número de servidores em cada área e os indicadores de criminalidade. Entre as cidades contempladas, estão aquelas que possuem mais de 3 mil habitantes, porém não tinham o mínimo de cinco militares lotados.

Os servidores são veteranos e a transferência ocorreu a partir da formação de uma nova turma de 506 soldados, em abril. Os brigadianos que recém concluíram o curso foram designados para a capital e Região Metropolitana. O oficial espera, ainda, que mais brigadianos integrem o quadro de pessoal no Vale após a próxima formação. Entre junho e julho devem iniciar as aulas do curso. O número de candidatos convocados pelo governo, no entanto, ainda é uma incógnita. A corporação tem 4,1 mil vagas abertas pelo último concurso público.

Lajeado deve ser uma das sedes de escola, com 90 vagas. Autoridades regionais prometem mobilizar-se para que o Comando-Geral da Brigada Militar mantenha esses PMs na região após o término da formação. Até lá, os alunos poderão desenvolver as atividades de estágio operacional, reforçando a sensação de segurança da população local.

Armas

O policiamento também receberá três novas carabinas, marca Imbel, modelo IA2, calibre 5.56. O valor de cada fuzil é aproximadamente R$ 8,5 mil. A entrega oficial ocorreu na manhã de ontem, em Porto Alegre. No total, serão 150 armas para os comandos em todo o Rio Grande do Sul e 90 motocicletas Yamaha XTZ 250 Lancer para o trabalho em Porto Alegre e Região Metropolitana.

Durante a solenidade, o governador José Ivo Sartori afirmou que a segurança pública é prioridade na sua gestão, mesmo diante da crise financeira. "Sabemos que os resultados não aparecem do dia para a noite. É preciso muito esforço. Policiamento se faz com efetivo e equipamentos. Por isso, temos feito tudo que está ao nosso alcance para qualificar as forças de segurança. Estas motos e fuzis reforçam nossa constante atenção com as condições de trabalho dos brigadianos", declarou.

Já o secretario de Segurança Pública, Cezar Schirmer, prometeu uma segunda remessa de motos, em até dois meses, que deve contemplar outras regiões. O valor investido é proveniente de recursos do Tesouro do Estado e não inclui doações ou convênios com a União e prefeituras.

Foto: Rodrigo Ziebelli/SSP/divulgação

Comentários

VEJA TAMBÉM...