Polícia

Polícia Civil retoma Operação Padrão no Estado

Registros de fato atípico, perda de documentos e desacordo comercial não serão efetuados

Créditos: Natalia Nissen
- Lidiane Mallmann

Vale do Taquari - Com mais um mês de salários parcelados, os policiais civis decidiram retomar a Operação Padrão a partir desta sexta-feira (29). A medida vale até a integralização dos pagamentos referentes ao mês de julho. Conforme o Sindicato dos Escrivães, Inspetores e Investigadores de Polícia (Ugeirm), uma manifestação deverá ser realizada nesta sexta-feira para protestar contra o parcelamento dos vencimentos. Ainda hoje, o Bloco da Segurança Pública (Polícia Civil, Brigada Militar, Bombeiros, Susepe e IGP), renovará o pedido de sequestro de valores do Tesouro Estadual no Tribunal de Justiça para garantir o pagamento dos trabalhadores do setor.

 

Enquanto os valores não forem integralizados, os policiais não farão operações fora do horário de expediente das Delegacias de Polícia (DPs). A cartilha da operação ainda prevê a não conclusão de procedimentos policiais, exceto os Autos de Prisão em Flagrante (APFs) e não haverá registros de ocorrências de fatos atípicos, perda e localização de documentos, e desacordo comercial.

 

Serviço
Registros de perda de documentos podem ser feitos na delegacia online, no entanto, as ocorrências serão deferidas apenas após o encerramento da Operação Padrão. No caso de registro de localização de documentos, é fundamental que o comunicante tenha em mãos o número do protocolo ou da ocorrência de perda ou furto.

Comentários

VEJA TAMBÉM...