Política

Lajeado fecha ano com orçamento concretizado em R$ 270 milhões

Dados dos setores públicos foram apresentados, na manhã desta sexta-feira, em café

Créditos: Carolina Schmidt
- Carolina Schmidt

Lajeado - O primeiro ano da gestão do prefeito Marcelo Caumo concretizou um orçamento de R$ 270 milhões com previsão de R$ 292 milhões. Os dados foram apresentados em um café para imprensa e secretários realizado, na manhã desta sexta-feira, na prefeitura.

"Fechamos o ano com saldo positivo representado pela diminuição das despesas e aumento da receita. A economia é muito significativa. Os projetos facilitam quando conseguimos controlar os gastos e esse é um desafio aos gestores. Para que isso ocorra, também é preciso planejar ações a curto e médio prazo." - Marcelo Caumo, prefeito de Lajeado.

Ao avaliar as contas públicas, a vice-prefeita, Gláucia Schumacher, destacou que a Administração precisa organizar o orçamento e programar um valor menor que o previsto para evitar déficit.

Em relação aos números da prefeitura, os gestores também apresentaram dados relativos à diminuição de cargos comissionados. A redução de 30% dos CC's gerou uma economia de R$ 2,5 milhões em salários para os cofres públicos municipais. A redução em horas extras gerou economia entre R$ 400 mil e R$ 500 mil. "Durante o ano, tivemos ainda, reposição de 2,6% nos impostos municipais."

Outra demanda que foi uma das metas de Governo de Caumo, é a participação da comunidade. Isso foi possível com as reuniões do Plano Diretor que planeja a cidade para 2040. "Tivemos uma ampla discussão com a comunidade que nos ajudou a planejar o nosso município. Com os encontros, tomamos conhecimento sobre onde devemos investir. O plano levou a discussão para as diferentes regiões, de Lajeado."

Gláucia também destacou a necessidade da participação da população nos projetos da prefeitura. Além de apresentar números sobre a Administração Pública, Caumo e Gláucia divulgaram as ações e projetos executados na Saúde, Educação, Assistência Social, Segurança, Obras, Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e eventos culturais.

Para Caumo, o que colaborou para o resultado positivo de 2017, foram as parcerias com o secretários, entidades e comunidade. "Buscamos sempre incentivar isso para que os projetos aconteçam. Cada secretário precisa estar à disposição para ajudar, porque todo o trabalho precisa ser em conjunto. Uma das grandes marcas da minha gestão é compartilhar projetos."


Ações realizadas pela prefeitura em 2017

Reforma administrativa: redução de 14 para 11 secretarias municipais, diminuição de cargos comissionados, aperfeiçoamento das ferramentas com transparência e reposição de 2,6% nos impostos municipais;

Plano Diretor: definição sobre o que a comunidade deseja para o futuro da cidade, por meio de reuniões, e encaminhamento à Câmara de Vereadores;

Educação: objetivo de fazer Lajeado referência nacional em qualidade da educação com a ampliação de 400 novas vagas para serem efetivadas em 2018, adequações necessárias para atender o Plano Municipal de Educação com projeto ATA reconhecido no estado com o Prêmio Gestor Público 2017;

Saúde: licitação do novo posto de saúde para o Bairro Santo Antônio, redução de espera do Centro em Especialidades Odontológicas de um ano para um mês, neurologista contratado para reduzir fila de espera, presença da Univates nos postos do municípios, programa de próteses odontológicas com o atendimento de 45 pacientes ao mês, aquisição do método contraceptivo adequado para mulheres em situação de vulnerabilidade e mutirão de cirurgias;

Segurança Pública: sistema de monitoramento de entrada e saída de objetivos no presídio, sistema de reconhecimento facial em diversos pontos da cidade, integração entre as polícias federais, estaduais e municipais que permitiu ações de maior impacto, discussões sobre o novo quartel para o Corpo de Bombeiros;

Meio Ambiente: concluída a instalação de sistema para tratamento do chorume no aterro sanitário, programa Lajeado Mais Verde prometeu plantio de árvores em vias urbanas, reforma central de triagem, mutirão para emissão de licenças ambientais, Programa de Manifestação de Interesse (PMI) do aterro sanitário; programa Simplifica Lajeado com alvará em 24 horas para 92% das empresas de baixo impacto, menos burocracia para mais emprego e mais renda;

Dívida Ativa: Programa de Renegociação de Dívida Zero recuperou R$ 2 milhões a vista e R$ 7 milhões parcelados;

Eventos: Lajeado Doce Cidade, São João no Parque, Campeonato Piá, Feira do Livro e Natal no Coração;

Assistência Social: autorização de Repasse de Recursos para as entidades assistências do município;

Obras: ponte do Saraquá, pavimentação comunitária com seis trechos concluídos e 14 ruas em andamento nos bairros Bom Pastor, Universitário, Moinhos D'Água, Conventos e Jardim do Cedro; reforma da Praça da Matriz, do Chafariz, do Bairro Moinhos, do Planalto e Trivailer;

Água em Conventos: o bairro enfrentava grandes problemas com a falta de água; e, este ano, foram construídos seis reservatórios;

Conclusão de Obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC): ocorreu na Avenida Benjamin Constant, Avenida Amazonas. Além disso, outras obras na cidade também foram concluídas como Pista de Motocross, Posto dos Bruder e Avenida Acvat.

Comentários

VEJA TAMBÉM...