Política

BM prende homem pelo transporte de eleitores em Estrela

Indígenas estavam sendo levados para votar em uma van

Créditos: Guilherme Rossini
- BM/divulgação

Estrela - Na manhã deste domingo (07), o condutor de uma van foi preso por transporte de eleitores. Segundo informações preliminares da Juíza do Cartório Eleitoral de Estrela, Caren Leticia Castro Pereira, foi efetuada uma prisão em uma das seções de votação da cidade. No bairro Glória, na seção do Pavilhão São Francisco Xavier, uma van foi vista levando e trazendo indígenas para votar, o que não é permitido por lei. Na saída deles da votação, os responsáveis foram abordados pela Brigada Militar e Polícia Civil. Os mesmos foram levados para a delegacia de polícia, onde foi feito o registro da ocorrência.

O Delegado da Polícia Civil de Estrela José Romaci Reis contou que o homem foi apresentado pela Brigada Militar. "Os policiais militares relataram que teriam avistado essa van de manhã já fazendo transportes de eleitores, eles aguardaram até ele aparecer com novo frete e fizeram a abordagem". Ainda segundo Reis, os passageiros falaram que, durante o transporte, foram entregues santinhos de candidatos e solicitado que se votasse neles.

Segundo a juiza, o homem foi solto no final da tarde e responderá em liberdade.

Comentários

VEJA TAMBÉM...