Reportagens Especiais

PSDB cresce, mas Altmann amplia vantagem

Jonatan Brönstrup, que ocupou o lugar do pai como candidato tucano, cresceu na pesquisa...


Apesar da troca de candidato, em decorrência da renúncia de Ricardo Brönstrup, a coligação Teutônia em Primeiro Lugar (PSDB/PDT/PTB/PV), agora representada por Jonatan Brönstrup, cresceu nas intenções de voto. No entanto, o adversário Renato Altmann (PP), da aliança Teutônia com Muito Orgulho (PP/PMDB/PRB/PT/PPS/DEM/PSB), teve um aumento porcentual maior e lidera a disputa à prefeitura do município. É o que revela pesquisa encomendada pelo Grupo Independente e jornal O Informativo e realizada pelo Instituto Methodus, entre sexta-feira passada e ontem. No total, 400 eleitores foram ouvidos. A margem de erro é de 5%, para mais ou para menos.
Na menção espontânea, o nome mais lembrado é o de Altmann, que aparece com 37,8%, enquanto  Jonatan recebe 29% das menções. Se comparada à pesquisa realizada em julho - quando o nome do PSDB na disputa era Ricardo Brönstrup -, os tucanos tiveram aumento de 12,2% na lembrança espontânea de seu candidato. No entanto, o progressista teve crescimento maior, de 20,3%.
No cenário estimulado, a situação manteve-se semelhante. Altmann aparece à frente, com 45,8% das intenções de voto; seguido de Jonatan, com 40,8%. Em relação à pesquisa de julho, o candidato do PP teve aumento de 7,3%, e o PSDB, agora com Jonatan, de 3,5%.
A maioria, 68,5% dos entrevistados, afirma que é certo que mantém o voto no candidato escolhido até o dia da eleição. Ao serem indagados sobre qual deles vence o pleito, independentemente da preferência do eleitor, 49,5% acreditam na vitória de Altmann, e 33,8%, na de Jonatan.
Na rejeição, Jonatan conta com 19,3% das citações - na pesquisa de julho, Brönstrup (pai) constou com 16,8% -, e Altmann, 18,8%.
O número de eleitores que ainda não sabem em quem votar para prefeito nas eleições de 2012 fecha em 32,8%.
A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral - número do protocolo RS-00128/2012.

Perfil dos eleitores
Das 400 pessoas ouvidas, 50,5% possuem Ensino Fundamental; 28,8%, Ensino Médio; 20,3%, Ensino Superior; e 0,5% é analfabeto.
Quanto à renda, o maior porcentual é de famílias com salários de R$ 1.245,00 a R$ 3.110,00, com índice de 45,5%. Já 24,3% recebem entre R$ 3.111,00 e R$ 6.220,00, e 13,3% ganham até R$ 1.244,00. Outros 9,8% têm vencimentos entre R$ 6.221,00 e R$ 9.330,00. Ganham acima de R$ 9.331,00, 7,3% dos entrevistados.
Ao observar a faixa etária dos consultados, 24,8% possuem entre 25 e 34 anos; 21,5% entre 35 e 44 anos; 19,8% entre 45 e 54 anos; 17%, menos de 25 anos; 12,8% entre 55 e 64 anos; e 4,3%, 65 anos ou mais.
A maioria dos entrevistados, 85,5%, mora na área urbana. Os 14,5% restantes residem em zona rural. Do total, 50,3% são homens, e o restante, mulheres.

Cresce índice de interessados na eleição
Assim como nas pesquisas realizadas em Estrela e Lajeado, à medida que o dia da eleição se aproxima, o interesse pelo pleito aumenta, ainda que a disputa não anime muitos eleitores. O índice de entrevistados que se disseram pouco interessados caiu de 61%, em julho, para 56,5%. Também houve queda entre os que se declaram nada interessados - de 17% passou para 15,5%. Na contramão, o de muito interessados, cresceu de 22% para 27,5%.
O interesse crescente faz com que assuntos como governo, eleições e partidos sejam rotina no cotidiano das pessoas, já que 62,3% dos entrevistados admitem que falaram sobre política com amigos, parentes ou colegas de trabalho na semana da pesquisa. Já 37,3% disseram que não, e 0,5% não lembra.

54,8% decidem voto no último mês
Assim como revelado nas pesquisas de Estrela e Lajeado, a maioria dos eleitores teutonienses decide o voto no último mês da campanha - somando chega a 54,8%. Dos entrevistados, 45,5% responderam de forma espontânea que definem o voto dois meses ou mais antes do pleito. Já 16,8% afirmam que escolhem seu candidato a um mês, e 15%, a 15 dias. Na semana do pleito, 17% resolvem em quem votar, enquanto 6% declaram deixar para o último dia.

90% votam no candidato
A maioria, 90% dos entrevistados, afirma que vota no candidato - em comparação às pesquisas realizadas em Estrela e Lajeado é o maior índice até agora. Já 7,5% dizem que a escolha leva em conta o partido e o candidato; apenas 2% decidem o voto por causa da sigla; e 0,5% não soube responder.

Acompanhe as pesquisas
Amanhã, a pesquisa eleitoral mostrará a tendência em Encantado. Na quinta-feira, Cruzeiro do Sul; e na sexta-feira, Arroio do Meio. Todos os diagósticos já publicados podem ser conferidos no www.informativo.com.br

Resposta com mais de 100%
Há casos na pesquisa em que os porcentuais somam mais do que os 100%. O Instituto Methodus esclarece que se trata de resultado dos arredondamentos.

Ficha técnica da pesquisa
Período de realização da pesquisa
De 7 a 10 de setembro de 2012.
Margem de erro
5 pontos porcentuais para mais ou para menos sobre os resultados obtidos em um intervalo de confiança de 95%.
Número de entrevistas
400 entrevistas.
Nome do contratante
Rede Vale de Comunicação Ltda. e Rádio Independente Ltda.
Nome da empresa que realizou a pesquisa
Instituto Methodus Análise de Mercado SS Ltda.
Número do registro
RS-00128/2012









Comentários

VEJA TAMBÉM...