Colunistas

Opinião dos prefeitos conta


A Famurs e os presidentes das Associações de Municípios do RS estiveram reunidos virtualmente com o governo do Estado nesta semana. Manifestaram o descontentamento com a falta de participação dos municípios nas decisões do Estado relacionados à pandemia. Os prefeitos estão afastados das decisões desde que entrou a bandeira preta. Por isso, os gestores pediram novamente maior inclusão nos debates e decisões. Como há possibilidade de maior flexibilização nos serviços a partir das próximas semanas, os prefeitos serão fundamentais para exigirem o cumprimento das regras. Sem falar na tomada de posicionamento sobre a volta das aulas presenciais.

Após um ano

Após mais de um ano de pandemia, a Secretaria de Educação do Estado, através da titular Raquel Teixeira, declarou esta semana que vai realizar um levantamento para saber se as escolas têm condições físicas para receber o retorno de atividades presenciais. Ou seja, depois de 13 meses e sabendo que um dia as aulas terão que voltar, a secretária fala em fazer lavantamento de viabilidade, quando na verdade o Estado já deveria ter este plano pronto para ser executado, se necessário. É por estas que o serviço público não goza de bom conceito.

Curtas

** Vacina urgente para os professores e funcionários de escolas.

** Eles não pararam e são duramente prejudicados pela alta do combustível. Penso que os caminhoneiros também poderiam entrar no grupo de vacinados com preferência.

** Deputado estadual Ernani Polo (PP), ex-presidente da Assembleia, está internado desde o dia 24 de março no Hospital Pereira Filho, da Santa Casa, em Porto Alegre. A situação clínica é estável, no oxigênio, mas fora da UTI.

** O lajeadense Douglas Sandri assumiu nesta semana como presidente do Instituto de Formação de Líderes - IFL Brasília. A posse, virtual, contou com palestras de Salim Mattar e Gustavo Franco, conceituados no meio empresarial; deputados federais do Novo e o prefeito de Lajeado, Marcelo Caumo.

** O Procon ainda espera a conclusão da investigação no Serasa Experian sobre o vazamento de 220 milhões de dados de brasileiros. O fato ocorreu no ano passado e até agora não houve conclusão dos trabalhos.

** Advogado Evandro Muliterno de Quadros deve assumir a procuradoria da Câmara de Vereadores de Lajeado nos próximos dias. O advogado é ligado ao PSDB, partido do qual já foi presidente em Lajeado.


Fabiano Conte

Comments